Nota sobre a Campanha Salarial 2017


Descrição da Notícia:

Em nota oficial do dia 25 de maio de 2017, a Prefeitura de Contagem publicou sobre a proposta apresentada para valorização do trabalhador do município. Esclarecemos que a proposta apresentada de aumento de 4,5% não foi aceita pelo trabalhador da Saúde de Contagem, pois não reconhecemos na referida proposta a tão esperada valorização do trabalhador, que mais uma vez se sente traído diante de tantas promessas feitas pelo atual prefeito Alex de Freitas (PSDB) durante toda a sua campanha eleitoral.

A receita da Prefeitura de Contagem vem crescendo, de acordo com o estudo apresentado pelo Instituto Latino Americano de Estudos Sócios Econômicos (ILAESE) - estudo esse baseado nos dados apresentados pelo próprio governo através dos portais de transparência. Se há crescimento, não há como a prefeitura se apoiar na crise econômica para impor aos trabalhadores mais um ano sem aumento de salário.É um deboche estampar no plano de valorização do trabalhador o que é de obrigação legal do empregador, como fornecer crachá, uniforme, garantir concurso público para completar quadro de profissionais e garantir a segurança nas unidades.

Valorizar o trabalhador é dar um salário digno que atenda suas necessidades básicas, é rever a carga horária do trabalhador para que possamos ter melhor qualidade de vida, é fornecer auxilio alimentação para todos independente de carga horária.

 Isso é valorizar!

E ainda a prefeitura entende que defender o direito dos Contagenses é atacar o direito de manifestação dos trabalhadores, ferindo assim o sistema Democrático a fim de mascarar a situação desumana que se encontra o trabalhador desse município.
 
Ora Senhor Prefeito, garantir o direito dos Contagenses é garantir um atendimento de qualidade o que hoje é impossível! Os trabalhadores fazem um esforço sobre-humano para tentar minimizar o sofrimento de quem procura o serviço de saúde público, pois trabalhamos com estruturas fora do padrão, falta de material e número de profissionais insuficiente e assim cada profissional tem que se desdobrar em suas funções ficando difícil oferecer um atendimento de qualidade.

Informamos ainda que a Prefeitura na reunião do dia 19 de maio comunicou que o Projeto de Lei com o valor de reajuste de 4,5% será enviado para aprovação na Câmara Municipal mesmo sem a concordância dos trabalhadores, confirmando assim o total descaso com as deliberações feitas pelas categorias de todos os trabalhadores desse município.

ATENÇÃO

Por esse motivo o SIND SAÚDE CONTAGEM deliberou em assembleia por uma paralisação com ato na CÂMARA MUNICIPAL no dia da votação do Projeto de lei para expressarmos toda nossa indignação.



AGUARDEM CHAMADA COM DATA E HORÁRIO.
 
Sindicato Único dos Trabalhadores da Saúde de Contagem
Av. João César de Oliveira, 2771 • Sala 209 • Contagem - MG
Telefone: (31) 2559-6670 • e-mail: sindsaudecontagem@yahoo.com.br
(31) 8660-6993 Oi • 9824-4212 Vivo • 9304-0593 Tim • 8240-2330 Claro